Tendências da Moda Anos 60: Fotos, Dicas, Imagens

Os anos 60 foram de muitos acontecimentos históricos. Foi por esses meados que o primeiro computador eletrônico foi lançado pela empresa IBM, que o primeiro homem entrou no espaço e que o homem chegou à Lua.

Também na década de 60 aconteceu no Brasil o primeiro transplante de coração, foi feita a primeira transmissão em cores pela Tv Tupi e no futebol o Brasil tornou-se bicampeão mundial.

Foi então nesse cenário que as pessoas encontraram na moda, enquanto expressão cultural, subsídios para torná-la um veículo de informação. A partir daí a sua principal função, além de vestir e proteger o corpo, claro, é influenciar as mudanças de comportamento dos jovens. Mais artigos de Moda Alternativa:

Moda Feminina nos anos 60

A moda da década de 60 era diferente das anteriores. Ela anunciava indiretamente diversas formas de se vestir, deixando de lado o generalismo ligado às décadas: enquanto a década de 50 era lembrada pela imagem do jovem de blusão de couro, topete e jeans e as moças bem comportadas com saias rodadas de Dior, a década de 60 buscava desligar-se totalmente do que antes era ligada, sendo isso uma ameaça de liberdade. A moda então era não seguir a moda!

A alta-costura estava perdendo espaço e dando lugar à confecção, que por sua vez necessitava de criatividade para suprir a necessidade e ansiedade dos consumidores pelo diferente e inédito, fazendo com que o típico costureiro passasse a ser chamado de estilista, e priorizasse o estilo e não os conceitos.

Mais fotos de moda

Entre as peças de vestuário que estiveram em ascensão nesse período encontramos a presença constante da minissaia.

Obra da inglesa Mary Quant e do francês André Courrèges que, para criar, inspiraram-se na constante usabilidade desse tipo de saias curta vistas nas ruas. E foi exatamente nesse mesmo contexto que muitos estilistas criaram: inspirando-se na moda das ruas.

  • Minissaias Anos 60: Além das minissaias e de seus criadores havia também os vestidos tubinho de Saint Laurent e as estampas psicodélicas do italiano Pucci, que virou febre. Já Paco Rabanne foi mais ousado e usava alumínio como matéria-prima na construção de suas peças mesmo ainda sendo experimentos.
  • Vestido de bolinhas Anos 60: Muitas pessoas julgam o vestido de bolinha como da década de 60. Ledo engano. Essa tendência é da década de 50, apesar de perdurar até a seguinte, só que com a saia mais curta, já que a minissaia foi o predominante.
  • Vestidos soltos Anos 60: Na década de 60 os jovens queriam sair para dançar e curtir a juventude e para que o corpo tivesse total liberdade de movimento, as mulheres apelavam para vestidos mais soltos, sem serem justos ao corpo ou sem modelarem a cintura, dando um ar unissex. No geral havia muitas opções de tecidos, além das naturais os tecidos sintéticos se popularizavam, havendo variedade em estampas e fibras.

E pela primeira vez as mulheres sentiam-se confortáveis em ousar na utilização de peças do vestuário tradicionalmente masculino, como, por exemplo, o smoking, o Jeans e a Camisa sem polo, principais responsáveis pelo impulso na moda unissex.

O que você acha da moda anos 60? Comente!

3 Comments

Comente!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pin It on Pinterest

Compartilhe!

Seus amigos vão adorar!